zona de empresas registar empresa

agricultura

+ eco info

◀ voltar atrás

Evolução da agricultura biológica, como tem sido?

Quando o homem passou de nómada a sedentário e se dedicou à agricultura não existiam sementes transgénicas, fertilizantes ou agro-químicos, eram utilizados adubos orgânicos e os métodos de produção eram amigos do ambiente.

Hoje, 12.000 anos depois e com o avanço de tecnologia, a agricultura industrial, para além de produzir alimentos para a população, gera altíssimos impactos na natureza, como a desflorestação e a contaminação dos cursos de água.

Perante este panorama, há quem defenda um modelo de agricultura ecológica. Este sistema de produção alimenta hoje cerca de um terço da população mundial e não deixa de lado o respeito pelo meio ambiente e os sistemas sociais.

A agricultura biológica não utiliza produtos agro-químicos, aproveita os recursos locais disponíveis, gera o consumo local e a troca de informação entre os agricultores, que propõem manter os produtos sem alterações genéticas. Como sistema de produção integrado, não aponta a um único cultivo mas a cultivos integrados, de modo a favorecer a recuperação dos controladores biológicos que são eliminados com a agricultura industrial.

Este modelo de produção não se viu afectado pela crise económica mundial, porque esta actividade apoia-se em modelos de produção local. O seu objectivo básico é assegurar a soberania alimentar, decidir, garantir não só o que se come, como também é um marco de uma cultura própria com uma produção própria e de consumo do alimento, tão diversa como os todos os povos que habitam a terra. Para que seja uma produção viável economicamente, é necessário incutir à sociedade os benefícios deste tipo de produtos.


Futuro promissor

Cerca de 2.400 milhões de pessoas, um terço da população mundial mantêm os sistemas de produção ecológica ou agricultura familiar.

O futuro da agricultura biológica é promissor, especialmente tendo em conta os altíssimos impactos que a agricultura industrial gera em todo o mundo: destruição da natureza, desflorestação, contaminação de águas, destruição de habitats, eliminação da biodiversidade e problemas sérios à saúde humana e animal.

◀ voltar atrás

Eco Info
Directório
Newsletter
Contacte-nos

errrr

   

Sponsors | Parceiros Pela Natureza

 
Sponsors Pela Natureza
Parceiros Pela Natureza