zona de empresas registar empresa

◀ voltar atrás

agricultura

Seca da China ameaça a produção de trigo e os preços
| Por Pedro Vacas


FAO alertou ontem, dia 8, que a seca severa que foi registado neste inverno no norte da China poderia ameaçar as colheitas de trigo e, consequentemente, elevar os preços mundiais do cereal.

China, o maior produtor de trigo do mundo, consome toda a sua colheita e, importar algum desse cereal.

Num alerta especial, a FAO disse que a falta de chuvas na região o cultivo de trigo da China já começou a produzir efeitos em âmbito nacional, com até 8% aumentos nos preços da farinha no mês de janeiro.

A atual safra será colhida em junho, mas a chuva tem sido bem abaixo do normal desde outubro, para além da falta de humidade no solo para o grão continua a crescer .

FAO diz que esta situação pode-se tornar crítica, se a seca se estender para nascente.

Ele acrescentou, ainda, que a seca afeta 2,6 milhões de pessoas e 2,8 milhões de cabeças de gado, devido à falta de água potável.

O governo da China começou a tomar medidas para tentar combater o fenómeno, atribuindo com $15.000 milhões para abastecer a região, ajudando agricultores e subsidiar combustíveis, fertilizantes e pesticidas.

Fonte: ONU


Publicidade

buyonfuture.com


Se gostou deste post acompanhe-nos no Facebook e comente!

Gostou do que leu? Deixe seu comentário.

Anti-spam

Por favor, transcreva o seguinte código no espaço a seguir:

Captxa

◀ voltar atrás

Eco Info
Directório
Newsletter
Contacte-nos

errrr

   

Sponsors | Parceiros Pela Natureza

 
Sponsors Pela Natureza
Parceiros Pela Natureza