zona de empresas registar empresa

◀ voltar atrás

resíduos

Berlim é a cidade europeia com melhor qualidade do ar
| Por Pedro Vacas


Berlim é a cidade europeia que mais trabalha para melhorar a qualidade do ar, seguindo-se Estocolmo e Copenhaga, de acordo com o ranking das Cidades Europeias Livres de Fuligem (European SootFreeCities City, tradução em inglês), que avaliou o desempenho de 17 urbes.

Segundo o site Business Green, a cidade alemã foi reconhecida pelos seus esforços que tiveram como objectivo reduzir a emissão de partículas poluentes para a atmosfera e a utilização massiva dos automóveis, assim como pelas suas iniciativas que visavam aumentar a utilização dos transportes públicos.

“Berlim deu um bom exemplo de uma estratégia a longo prazo para tirar as pessoas dos seus carros e pô-las nos transportes públicos, em bicicletas ou a caminhar”, revela uma das entidades responsáveis pelo ranking, o European Environmental Bureau (EEB).

Estocolmo e Copenhaga ocupam o segundo e terceiro lugares, respectivamente, tendo sido distinguidas por terem os melhores incentivos económicos no campo da mobilidade sustentável, como taxas para os veículos que entrem nas cidades e medidas relativas ao estacionamento.

No extremo oposto surgem Roma, Milão e Dusseldorf. A meio da lista estão Viena, Zurique, Amesterdão, Lyon, Glasgow, Graz, Paris, Bruxelas, Londres, Madrid e Estugarda.

“A má qualidade do ar é um grave problema na maioria das cidades europeias. Na verdade, nas cidades mais poluídas, a esperança média de vida foi reduzida, em média, em dois anos. Na União Europeia, a poluição do ar custa cerca de 500 mil mortes prematuras todos os anos. Em termos económicos, custa entre 277 e 790 mil milhões de euros por ano”, lembra o EEB.

Esta lista foi elaborada por uma coligação de organizações não governamentais de ambiente, coordenada pelos Amigos da Terra na Alemanha em cooperação com o EEB. As 17 cidades foram escolhidas por serem semelhantes a nível dos problemas de qualidade do ar, níveis de poluição, importância política, dimensão e pelas suas boas práticas.

A lista baseou-se em critérios como gestão de trânsito, transportes públicos, informação ao público e medidas técnicas, sendo que as cidades foram avaliadas pelas actividades e esforços que realizaram entre 2005 e 2010.

Veja o ranking das 17 cidades.

Fonte: Menos um carro

Se gostou desta notícia acompanhe-nos no facebook.


Publicidade


Se gostou deste post acompanhe-nos no Facebook e comente!

Gostou do que leu? Deixe seu comentário.

Anti-spam

Por favor, transcreva o seguinte código no espaço a seguir:

Captxa

◀ voltar atrás

Eco Info
Directório
Newsletter
Contacte-nos

errrr

   

Sponsors | Parceiros Pela Natureza

 
Sponsors Pela Natureza
Parceiros Pela Natureza